Ballet: 5 dicas que vão te ajudar a fazer um lindo Arabesque

Diego
6 de agosto de 2018
0 7 views

O arabesque é um dos movimentos mais graciosos do ballet, mas muitas vezes causa certo receio nas bailarinas. Na verdade, ele não é de todo difícil, mas exige muita prática e alguns exercícios de alongamento. Quer saber como fazer um Arabesque perfeito? Então siga nossas dicas e esteja pronta para arrasar no palco!

Eleve as pernas

Primeiro, posicione-se próximo à barra e eleve sua perna em arabesque. Apoie-a na barra ou em algo que sirva de apoio. Levante-a novamente, conte até 10, e volte a apoiá-la. É importante manter a postura e deixar os quadris bem encaixados durante esse exercício.

Repita o movimento de 5 a 8 vezes. Os braços devem estar em demi-bras, ou em primeira posição. Após a repetição, faça os movimentos com a outra perna. Conforme você for sentindo mais facilidade com o exercício, aumente a altura de elevação da perna.

Trabalhe bem suas costas

Posicione-se ao lado da barra, fique em quinta posição e faça um rendu derrière com a perna de fora. Procure flexionar bem as costas com um cambré, mas sem apoiar o peso no pé que está atrás. Quando a flexão atingir o ponto máximo, eleve as costas e traga a perna em um arabesque.

Aqui é importante manter o ângulo do cambré entre as costas e a perna. Puxe o corpo para frente e traga a perna em um pencheé, depois volte para arabesque. Nesse movimento, é importante se observar no espelho e ter a certeza de que a coluna está alinhada à parte anterior da coxa da perna de apoio. E não se esqueça de repetir os movimentos com a outra perna.

Aqueça sua coluna

Deite-se de bruços e curve bem as suas costas para cima, como se empurrasse o chão com as mãos alinhadas ao ombro. Alongue até o ponto máximo e fique atenta para não se machucar. Quando sentir que os músculos da coluna já estão aquecidos, volte brevemente à posição original.

Levante as costas mais uma vez, e tente elevar as pernas o máximo que conseguir, uma de cada vez, mantendo o en dehors. Depois de repetir o movimento com a outra perna, sente-se nos seus pés e alongue a coluna com os braços em frente à cabeça. Além de ajudar — e muito! — no arabesque, isso ainda é super relaxante.

Prepare seu torso

Deite-se de barriga para cima em um banco, de forma que seu corpo fique suspenso da cintura para cima. Peça para o(a) professor(a) ou para um colega que segure seus pés enquanto você tenta levantar o torso. Repita esse exercício três vezes, sendo que, em cada uma delas, você deverá manter a posição por alguns segundos.

Esse exercício causa um pouco de desconforto e insegurança, mas não há motivos para preocupação. Se o receio for grande, deite-se no chão e tente levantar o torso sem levantar os pés.

Para compensar o corpo, após os movimentos com as duas pernas, sente-se novamente sobre os pés e alongue as costas com os braços em frente à cabeça.

Parta para seu arabesque

Repita sempre esses exercícios e prepare seu corpo para um lindo arabesque. Como tudo no Ballet, nada vem à toa, mas muita dedicação e vontade garantirão o movimento dos seus sonhos!

E então, você já faz um arabesque de dar inveja? Tem mais dicas de ballet para dividir com nossos leitores? Deixe seu comentário!