Dança no Carnaval: saiba como se dá essa notável influência

O Carnaval é uma tradição cultural tipicamente brasileira e que conta com algumas particularidades em cada região do país. A festa remonta à Idade Média e chegou ao Brasil durante o período colonial.

Ao longo dos séculos, diversos ritmos e danças passaram a fazer parte da festividade, por exemplo, o samba. Mas você sabia que existem outras influências da dança no Carnaval? Neste post, listamos alguns outros estilos relacionados à festa para você conhecer e se preparar. Confira a seguir.

Maracatu

O maracatu é uma manifestação folclórica brasileira que faz parte do Carnaval, principalmente no estado de Pernambuco. Sua origem remonta à época do Brasil colonial e mistura culturas africanas, portuguesas e indígenas.

A dança conta com figurinos coloridos e extravagantes, passos elaborados e muita música. Além disso, os dançarinos interpretam personagens e realizam um cortejo. Existem duas vertentes do maracatu: o maracatu nação, típico da zona metropolitana de Recife, e o maracatu rural, que é realizado na Zona da Mata de Pernambuco.

Comissão de frente

No Carnaval do sudeste, a dança também pode ser vista nas comissões de frente das escolas de samba. Totalmente coreografadas, essas alas contam com muito ensaio para surpreender os espectadores e os jurados. Inicialmente, a comissão de frente das escolas era formada apenas por integrantes carregando bastões.

No entanto, o cenário mudou quando as escolas passaram a contratar artistas plásticos e coreógrafos para criar performances exclusivas. Entre os coreógrafos que já participaram dessa modalidade estão grandes nomes como Carlinhos de Jesus, Manoel Francisco, Ana Botafogo e Deborah Colker.

Frevo

Outra presença marcante da dança no Carnaval é o frevo. Essa dança folclórica é típica do Carnaval de rua na região nordeste do país e tem sua maior força nas cidades de Olinda e Recife.

Reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade pela Organização das Nações Unidas, o frevo conta com um ritmo acelerado e acompanha uma música tocada por instrumentos de sopro. A dança leva movimentos acrobáticos com inserções de elementos da capoeira e de outras danças folclóricas, além de utilizar figurinos coloridos e sombrinhas como adereços.

Axé

Símbolo do Carnaval de Salvador, o axé é um estilo de música que mistura reggae, batidas africanas, maracatu e frevo. Ele teve sua ascensão nos anos 80. Com o movimento musical, veio uma nova dança, com coreografias que os dançarinos faziam para acompanhar os cantores nos shows.

A partir daí, o movimento criou força, e o axé passou a ser uma modalidade ensinada em academias e escolas, entrando, inclusive, em festivais e competições de dança. No Carnaval de Salvador, é comum que o estilo seja dançado pelos foliões que acompanham os trios elétricos.

A presença da dança no Carnaval sempre foi um aspecto forte da cultura brasileira e encontra algumas distinções de acordo com o estado e a região do país. No entanto, vale a pena conhecer cada um dos estilos e apostar em aulas para aproveitar essa festa.

Na Evidence, você encontra um catálogo completo de acessórios de dança para se preparar para aulas dos mais variados estilos. Acesse nossa loja virtual e confira!

CUPOM de 20%OFF Vamos te presentar com um CUPOM de 20%OFF 😍 Frete Grátis - 6x no Cartão